sexta-feira, 28 de setembro de 2012

Camisal ou Avental?

Eu gosto de aventais!

Na verdade nem sempre uso e é raro sujar-me na cozinha, mas, a par de outras roupas, sapatos e malas... gosto de aventais!




Além disso, gosto de aproveitar o que pode ser aproveitado, estimar as coisas e guardá-las para um dia que façam falta. Apesar de dever confessar que encontrei há pouco tempo meia embalagem de serpentinas que me deram quando tinha sete anos (e, por favor, não me perguntem há quantos anos isso foi...), não sou daquelas pessoas que aparecem nos programas de TV americanos, com as casas cheias de coisas até ao tecto. Apenas guardo aquilo que me pode vir a fazer jeito mais tarde. E, nestas coisas, sempre há uma serpentina ou outra que sobrevive a dezenas de carnavais!

Não foi o caso desta camisa do maridão que, ainda mal tinha sido usada ficou com umas manchas irremovíveis nas costas e numa manga. O tecido era de qualidade, estava novo e logo pensei que havia de fazer alguma coisa com ele. Pouco tempo depois, dei com uma foto na internet onde se via um varal de aventais feitos a partir de camisas. Aí estava o seu destino, traçado e anunciado numa rede social: A camisa do trabalho do marido, estava prestes a transformar-se num modelito de trabalho da sua fada do lar!




Ingredientes:
1 camisa do maridão (as nossas podem tender a ser demasiado pequenas!)
15 cm de tecido em cor contrastante, para o bolso (facultativo)
4 m de fita de viés
Linhas de cozer nas cores correspondentes
botões de fantasia (facultativo)
Giz de costura, alfinetes, tesoura, agulha de cozer, máquina de costura

Cortar a parte da frente da camisa junto às costuras laterais, às cavas, aos ombros e à gola, ficando com uma peça de tecido abotoada ao meio (manter abotoada!). Em cima (lado do decote), traçar um risco horizontal, aproveitando a maior altura possível, para acertar o topo do peitilho do avental. Colocar na sua frente e marcar a largura do peitilho e a altura da cintura.

Colocar sobre o tampo de uma mesa (ou tábua de passar a ferro) e traçar as cavas laterais do avental, com uma curva que vai do cimo do peitilho até à altura da cintura (de onde sai o atilho para as costas). Garantir que os cortes ficam bem simétricos. Cortar as bainhas de baixo da camisa e acertar a altura do avental.

Talhar o bolso no tamanho que preferir. Se for mais largo (como o da foto) para colocar ao centro do avental, se for um bolso mais pequeno, para colocar de lado. No caso de aplicar o bolso, pode aproveitar uma manga da camisa para cortar tiras de tecido (em viés) para guarnecer o bolso. Para isso, com a ajuda de uma régua, cortar tiras de tecido com a mesma largura (largura de régua) que depois une (na diagonal) para formar a fita de viés. Com o ferro de engomar, vinca as dobras laterais para ficarem como as de compra. Mais simples ainda, compra mais um pouco de fita já feita e debrua o bolso!

Chegou a altura de debruar o avental: começa pelo cimo do peitilho, debruando só essa pequena parte. Passa depois a contornar a parte debaixo do avental, debruando desde a cintura de um lado até à altura da cintura do outro. Em seguida cose essas fitas à máquina (eu como sou muito old school, ainda alinhavo tudo antes de cozer!!!). Em seguida passamos a debruar as cavas do avental. Deixar um pouco de fita que servirá para atar atrás, debruar a cava, deixar o suficiente para fazer a alça do avental que se passará pela cabeça, debruar a segunda cava e deixar outro tanto para o atilho desse lado. Tanto os atilhos como a alça também devem ser cozidos de forma a fechar a fita de viés.




Falta pregar o bolso e trocar os botões se preferirem. Para dar um ar brasileiro, substituí os botões simples da camisa por umas havaianas rosa choque! Uma versão mais económica passa por voltar a pregar os botões com uma linha na cor do debrum.

Espero que gostem desta ideia e que vos seja útil, quer para criar peças úteis para casa, tanto para a cozinha como por exemplo para as crianças usarem quando fazem trabalhos manuais e quem sabe até voltarem para o maridão, numa versão "do escritório para o churrasco!".



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

4 comentários:

  1. Adorei esta receita ;) Linda!
    Beijinhos,
    Ilídia

    ResponderExcluir
  2. Manuela,
    Esta receita é demasiado complicada para mim! Eu mal coso um botão :(
    Tenho pena gostava imenso de aprender!
    bjs e bom fim de semana!

    ResponderExcluir
  3. Tão giro!! Eu sou muito preguiçosa para deitar mãos à costura.. Já lá vai o tempo.... Mas adorei o teu modelito, é preciso é ter imaginação! Nos tempos que correm não nos podemos dar ao luxo de desperdiçar nada! Estava aqui a pensar, isso dava uma excelente prenda de natal em estilo personalizado :)
    beijinho e boas costureirices :)

    ResponderExcluir
  4. Que lindo adorei,bom domingo beijos

    ResponderExcluir