quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Bread Baking Day #47 - Pain au Chocolat

Nesta edição do Bread Baking Day, a Lisa Michelle do blog Parsley, Sage, Deserts and Line Drives, desafiou-nos a fazer uma receita de pão (doce ou salgado) com chocolate. Nada mais justo, neste mês de Fevereiro em que se celebra o amor e São Valentim.

Para mim foi um empurrão que faltava para me decidir a fazer a massa folhada para croissants e pain au chocolat. Fui buscar a receita ao Blog The Black Wok, que indica como sendo uma adaptação da receita da Julia Childs, de quem ainda não tenho o livro Mastering the Art of French Cooking.




In this edition of Bread Baking Day, Lisa Michelle from the blog Parsley, Sage, Deserts and Line Drives, challenged us to bake a bread (sweet or savory) with chocolate. Fair enough, for this month of February we celebrate love and Valentine's Day and nothing better than chocolate to represent this in the kitchen.


For me it was just the push that I was needing  to decide to make the pastry for croissants and pain au chocolat. I picked up the recipe from the blog The Black Wok, which indicates as being an adaptation of  Julia Childs's recipe from her book Mastering the Art of French Cooking.




O Pain au Chocolat lembra-me Paris e as suas Patisseries, esplanadas, tardes de sol e tempo frio, e o consolo de um chocolate quente e de da massa folhada a desfazer-se, recheada de chocolate. Haverá coisa melhor?

Pain au Chocolat reminds me of Paris and its Patisseries, terraces, sunny afternoons in the cold weather, and the comfort of a hot chocolate and pastry falling apart, filled with chocolate. Is there anything better?



Ingredientes:
250g de farinha
Fermento biológico na quantidade indicada pelo fabricante (usei meia saqueta)
50 ml de água morna
1,5 colheres de sopa de açúcar
3/4 de colher de chá de sal
100 ml de leite
4 colheres de sopa de óleo
1 ovo
100 g de manteiga
Bastante farinha para polvilhar
1 tablete de chocolate negro

Antecipadamente, colocar o leite e o ovo à temperatura ambiente. Amornar a água. Misturar o fermento biológico com meia colher de sopa de açúcar e com o sal. Diluir com a água morna e reservar durante 5 minutos. Misturar a farinha com o resto do açúcar. Juntar o leite, o ovo ligeiramente batido, o óleo e a mistura de fermento. Depois de tudo bem envolvido, deitar a massa que está ainda bastante pegajosa, numa bancada abundantemente polvilhada de farinha. Amassar durante cerca de 5 minutos, mantendo as mãos e a bancada enfarinhadas. Formar uma bola, na qual faz dois cortes em cruz. Colocar dentro de uma tigela que deve ser coberta com película aderente. Deixar repousar e crescer durante uma hora e meia. Em seguida, embrulhar a massa em papel aderente e levar durante 30 minutos ao frigorífico (geladeira).

Retirar a manteiga do frigorífico, colocar o pedaço de manteiga entre duas folhas de papel vegetal (papel manteiga) e bater com o rolo da massa até obter um quadrado de aproximadamente 13 por 13 centímetros. Se estiver num clima quente pode ser boa ideia colocar novamente a manteiga no frigorífico antes de juntar à massa. Após os 30 minutos de espera, retirar a massa do frigorífico, e sobre uma bancada bem enfarinhada, formar, com a ajuda das mãos, um círculo de massa com cerca de 33 centímetros de diâmetro. Colocar o quadrado de manteiga no meio e bobrar os quatro lados da massa sobre a manteiga e forma a fazer um pequeno embrulho. Envolver este quadrado de massa em película e levar ao frigorífico por mais 20 minutos.

Ao fim desse tempo, retirar e esticar a massa com o rolo bem enfarinhado num dos sentidos de modo a formar um quadrado com cerca de 40 centímetros. Dobrar a massa em três (imagine o rectângulo, dividido em três quadrados iguais, comece por dobrar o quadrado de uma ponta sobre o quadrado central e, a seguir, dobre o a outra ponta novamente sobre o centro). Esta vai ser sempre a forma como irá fazer as dobragens da massa. Cada vez que voltar a esticar a massa a seguir a uma dobragem, irá fazê-lo no sentido oposto ao que fez anteriormente. Assim, uma vez feita a primeira dobragem, irá novamente esticar a massa, de forma a que o sentido do lado mais largo do rectângulo, passe agora a ser o das extremidades mais estreitas. Atingido o tamanho, voltar a dobrar em três, envolver em película e guardar no frigorífico durante uma hora.

Ao fim de uma hora, retirar do frigorífico, fazer mais duas vezes o processo de dobragem. Nesta fase pode acontecer que a massa rebente um pouco e surja manteiga. Nesse caso, deve tapar com farinha até deixar de ver a manteiga. Vai reparar que o rectângulo de massa é composto por folhas muito finas intercaladas de gordura. Finaliza com uma dobragem, envolve em película e guarda novamente no frigorífico por duas horas.

Enquanto aguarda pode preparar o chocolate. Existem já pequenas barras de chocolate próprias para croissants e pain au chocolat, mas pode usar chocolate em barra, que deve partir em pedaços com cerca de 1,5 centímetros por 5 milímetros.

Passadas as duas horas retirar metade da massa do frigorífico e estender em dois rectângulos de cerca de 15 por 10 centímetros. Colocar o chocolate numa das extremidades mais largas e enrolar a massa, cortando depois o rolo em três partes iguais. Fazer todos os pães da mesma forma. A receita dá para doze pães. Colocar em tabuleiros forrados com papel vegetal e pincelar com ovo batido. Levar a cozer em forno a 200º até que fiquem dourados.





Ingredients:
250 g flour
Yeast in the amount specified by the manufacturer (I used half sachet)
50 ml of warm water
1.5 tablespoons of sugar
3/4 teaspoon salt
100 ml of milk
4 tablespoons oil
1 egg
100 g butter
Enough flour for dusting
A bar of dark chocolate


Half hour ahead, place the egg and milk at room temperature. Warm water. Mix the yeast with half a tablespoon of sugar and the salt. Dilute with warm water and reserve for 5 minutes. Mix the flour with the rest of the sugar. Add the milk, the egg slightly beaten, the oil and the yeast mixture. Involve the ingredients carefully. Put the dough,  that is still quite sticky, on a surface thoroughly dusted with flour. Knead for about 5 minutes, keeping your hands floured. Form a ball, and make two cuts (a cross) on top. Place in a bowl and cover it with plastic wrap. Leave to settle and grow for an hour and a half. Then wrap the dough  and leave it to rest for 30 minutes in the fridge.



Remove the butter from the refrigerator, put the piece of butter between two sheets of greaseproof paper (parchment paper) and beat with a rolling pin until you get a square of approximately 13 by 13 centimeters. If you are in a hot climate can be a good idea to put the butter back in the refrigerator before adding to the dough. After waiting 30 minutes, remove the dough from the refrigerator and on a  floured surface form, with the help of hands, a circle of about 33 cm in diameter. Put the square of butter in the middle and fold the edges of the dough over of the butter, making a small package. Wrap  this square package of dough with butter inside and leave it to rest in the refrigerator for 20 minutes.


At the end of this time, remove and stretch the dough in a dusted surface with  the rolling pin, in one direction, to form a rectangle of about 40 cm per 15 cm. Fold the dough into three (imagine the rectangle, divided into three equal squares, start by folding the square of an edge on the central square and then fold back the the other end over the center). This will be always the folding procedure. Each time you'll stretch the dough after a folding, will do so in the opposite direction to that done previously. Thus, once made the first bending, stretch the dough again, until it reaches the 40 x 15 cm size. Then, re-fold, wrap with film and store in the refrigerator for one hour.


After one hour, removed from the refrigerator and repeat to twice the stretching and folding process. At this stage it may happen that the dough may burst and  butter is visible. In that case, cover with flour to cover completely the butter. You will note that your piece of dough is composed of very thin sheets divided by butter. End with a folding, involve the dough with film and guard it again in the refrigerator for two hours.


Meanwhile you can prepare the chocolate. There are already small chocolate bars to croissants and pain au chocolat, but you can use a regular cooking chocolate bar, which you should break into pieces about 1.5 cm by 5 mm.

After two hours, remove half of the dough from the refrigerator and roll it out into two rectangles of about 15 per 10 centimeters. Place the chocolate at one of the wider end and roll the dough. Then cut the roll into three equal parts. Make all the pains in the same way. The recipe gives twelve loaves. Place on trays lined with parchment paper and brush with beaten egg. Bring to bake in oven at 200 degrees until golden brown.




Estes bolos folhados com o seu recheio de chocolate são óptimos ainda quentes, acompanhados de café ou chocolate quente.

Bom apetite!




These loafs with its chocolate filling are great still warm, accompanied by coffee or hot chocolate.

Bon appetit!


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

16 comentários:

  1. que maravilha, fiquei relaxada :)

    ResponderExcluir
  2. Obrigada Mané!
    Foi a primeira vez que fiz esta massa e afinal não é assim tão difícil.
    Bjnhos

    ResponderExcluir
  3. Adorei! Quase me sentei contigo numa patisserie em Paris a saborear um deste pain au chocolat. Perfeito :)
    Um beijinho.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha que grande ideia! Vamos ver se arranjamos um patrocínio e vai um grupo de meninas portuguesas dos blogs em visita de estudo a Paris!! Isso é que era!
      Também adorei fazer estes pãezinhos.
      Bjnhos

      Excluir
  4. Ficaram lindos e perfeitos!!!
    Tenho o livro da Júlia Child, alias, os dois, pois são dois volumes e já tentei uma vez fazer a massa folhada mas algo correu mal e foi para o lixo...
    Tenho de tentar de novo.
    Beijinhos,
    Lia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Lia!
      Estão na minha lista para comprar, pois tenho muita curiosidade com as receitas dela. Esta massa saiu bem e nem sei como. Deve ter sido sorte de principiante!
      Bjnhos

      Excluir
  5. A massa folhada não é difícil nem trabalhosa. Isso são mitos. ;) Fiz a semana passada também para experimentar, mas tenho de fazer uns ajustes na receita que estou a tentar "desenvolver".

    Paulo da Zine de Pão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Paulo,
      Da próxima vez estava a pensar fazer uma receita que tu postaste há tempos. Mas se estás a desenvolver uma versão revista e melhorada vou aguardar! Esta ficou boa, mas ainda quero ser capaz de fazer aquela que ficam milhares de folhas de massa finíssima e estaladiça.
      Bjka

      Excluir
  6. Manuela obrigada por esta viagem magnífica :)
    Estou como a Ginja:D Foi como se estivesse sentada ao teu lado a deliciar-me desse pão acompanhado com um chá. Saudades de Paris!!!
    Bjo muito doce

    ResponderExcluir
  7. Olá Pipas!
    Desculpa só agora responder. Muito obrigada pela tua simpática mensagem. Fico feliz que o post tenha conseguido transmitir a mensagem e o ambiente pretendido.
    Um beijinho

    ResponderExcluir
  8. Thanks so much for participating in BBD #47, Manuela! The Round-Up is up. You can see it at

    http://lisamichele.wordpress.com/2012/03/05/bread-baking-day-47-round-up-bread-with-chocolate/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Thank you Lisa Michela, for the delicious idea and for hosting BBD #47! It was a success!

      Excluir
  9. manuela,
    os daring bakers usaram a receita da Julia Child aqui hä uns meses, lembro-me que n participei nessa edicao mas fiquei com vontade de tentar a receita, e depois de ter visto os teus resultados ainda mais!
    boa semana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Ana,
      Esta receita é uma adaptação e não sei o quanto difere. Mas achei muito fácil de fazer e saiu bem. Embora não seja aquela massa folhada seca e estaladiça, finíssima. Tenho de experimentar a receita original e outras.
      Boa semana também para ti

      Excluir
  10. I made Pain Au Chocolat, too, but I like yours better:) Next time I will try your technique! Great photos, too!

    ResponderExcluir
  11. Thank you Bibberche!
    Actually ist very simple. It was my first time and resulted great!
    Have a nice weekend.

    ResponderExcluir